Dei um pulo em Victoria, Canadá

É, parece que fiz o que de melhor sei fazer por aqui, sumi… Bom, mas dessa vez, entre muitos motivos, posso garantir que o principal foi um bom motivo: dei um pulo no Canadá para fazer um mês de intercâmbio em uma cidade chamada Victoria. É uma cidadezinha pouco conhecida por aqui, mas é a capital da província da British Columbia e fica na ilha de Vancouver. Por sinal, a cidade de Vancouver não fica na ilha de Vancouver, mas é na mesma província. Enfim, Victoria é uma cidade linda, fácil de se locomover, muito agradável, super charmosa e tem uma energia muito, muito boa de cidade pequena, mas não tão pequena, sabem? Só tenho elogios para dar! E nem preciso dizer que já sinto falta da charmosa Victoria, né? Por isso, para ilustrar e mostrar um pouco da cidade para vocês, resolvi listar cinco coisas para se fazer por lá.

  1. Caminhar pelo Inner Harbour/Downtown

    Esse era o meu passatempo preferido! O centro da cidade é cheio de lugares legais para conhecer e é tudo muito pertinho. O Inner Harbour, ao anoitecer, se enche de barraquinhas com coisas interessantes para comprar, artistas de rua, etc. No final de semana de um feriadão em que eu estava por lá, o Labor Day, todo dia tinha show de bandas e artistas locais, além de caminhões com comida e ainda mais barraquinhas!

  2. Beacon Hill Park

    Aah, não tem nada melhor do que deitar na grama e simplesmente relaxar… Victoria tem vários outros parques bem legais, mas esse foi o que eu tive mais acesso e, sinceramente, acho que não tem como nenhum bater nesse em quesito beleza. Ele tem vários jardins diferentes, locais para esportes e até um mini “petting” zoológico.

  3. Assistir aos fogos de artifício no Butchart Gardens

    Gente, nunca vi nada mais fascinante na minha vida do que esse espetáculo de fogos! É basicamente um show com música e fogos que dançam no ritmo da música, ponto. Não tenho mais nada a dizer além de que é fantástico. O Butchart Gardens é um jardim enorme que deve valer muito a pena explorar, mas eu fui à noite e não tinha como ver muita coisa, infelizmente.

  4. Baleias

    Victoria é uma cidade em que é fácil ter acesso a ver orcas, baleias de diferentes espécies, além de focas e alguns outros animais selvagens marinhos. O Whale Watching tem um preço meio salgado, mas vale muuito a pena! Afinal, são baleias. A única parte ruim é que tirar uma foto boa delas é muito difícil…

  5. Fishersman’s Wharf

    Esse lugar é uma gracinha, uma comunidade de pescadores e suas famílias que vivem em casas flutuantes na beira do mar. As casas, em si, são a alegria do lugar, todas coloridas e enfeitadas do lado de fora, cada uma do seu jeitinho… A casinha dos corações e com a mensagem “Enter with a happy heart” (“Entre com o coração feliz”, em português) na porta, particularmente, foi a minha preferida. Além disso, também há vários lugares para comer, inclusive o famoso Fish ‘n Chips do Barb’s, que é uma delícia!

Ai ai, eu nem planejava postar nada sobre a viagem, mas Victoria tem tanto lugar bonito e interessante para mostrar que me senti na obrigação de fazer pelo menos um resumão da cidade. Ainda teria muita coisa pra contar, como um brechó maravilhoso que lutava para não entrar toda vez que passava em frente, o Miniature World e um castelo/mansão incrível chamado Craigdarroch Castle, mas esse post iria virar um livro! E também tem fotos deses lugares no meu Instagram, se quiserem dar uma olhada ;) Espero que tenham gostado.

Um beijo e um queijo,
Tainá Castro

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s